Meio Ambiente e Vida Sustentável

7 coisas que você precisa saber sobre PGRS

7 coisas que você precisa saber sobre PGRS

Antes de ler, que tal conferir um e-book gratuito sobre o nosso projeto Carbono Neutro? Acesse já o e-book clicando aqui e fique por dentro de um de nossos projetos mais importantes para os objetivos do desenvolvimento sustentável!

1. O que é PGRS?

PGRS significa Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos. O plano é um documento técnico utilizado para determinar o tipo e a quantidade de cada resíduo gerado pela empresa. 

Para a preparação do PGRS, são definidas medidas e procedimentos para a adequada gestão dos resíduos que, quando aplicados, irão minimizar o impacto no meio ambiente.

Resíduos sólidos poluindo a natureza

2. Para que serve um PGRS?

Por meio do PGRS, é especificada uma forma ambientalmente correta de gestão, embalagem, transporte, tratamento, reciclagem, descarte e destinação final dos resíduos gerados. 

Isso significa que, por meio do PGRS, as empresas podem comprovar que são administradas de maneira adequada, se preocupando com os resíduos sólidos gerados

3. PGRS x PGRSS: quais as diferenças?

Como explicado anteriormente, PGRS significa Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos. Já o PGRSS significa Plano de Gerenciamento de Resíduos do Serviço de Saúde. O que difere é exatamente o tipo de resíduo

Mas o que é o lixo hospitalar? Provocado por atividades relacionadas ao cuidado humano e / ou animal. Por exemplo: seringas, agulhas, medicamentos, etc. Ao separar adequadamente esses resíduos, você pode minimizar os riscos ocupacionais no ambiente de trabalho e proteger a saúde dos trabalhadores e da população em geral.

Resíduos químicos e de saúde devem ter descarte apropriado

4. Relação PGRS e Lei Ambiental

A legislação ambiental estipula que o PGRS é muito importante para qualquer empresa ou organização empresarial, tendo as seguintes funções: 

  • Garantir a correta destinação dos resíduos
  • Evitar desperdícios por desconhecimento do custo total e dos resíduos gerados; 
  • Melhorar a logística interna a organização, 
  • Aproveitar melhor o espaço físico, 
  • Outros. 

Essas mesmas leis também estipulam que o PGRS deve ser preparado uma vez por ano para garantir a eficácia do plano.

Atividades que precisam de um PGRS

De acordo com o artigo 13 da PNRS 12.305 / 2010, existem diversos projetos que requerem o PGRS. Dentre eles, podemos citar os geradores de resíduos:

  • Dos serviços públicos de saneamento básico;
  • Industriais, gerados em seu processo produtivo e instalações industriais;
  • De Serviço de saúde;
  • Da construção civil;
  • Comerciais perigosos, mas que não se enquadrem como resíduos domiciliares;
  • De portos e aeroportos, rodoviários, alfandegários, etc.
  • Agrossilvopastoris.

Como cada plano possui um procedimento, o PGRS deve seguir o conteúdo mínimo especificado no artigo 21 da PNRS, sem esses requisitos, o plano não será aceito pelo órgão fiscalizador competente.

organização de resíduos

5. Os componentes de um PGRS

Para que um PGRS ocorra adequadamente é importante se atentar aos fatores que envolvem o processo de planejamento. Etapas bem definidas pela empresa contratada podem ser fundamentais para o sucesso e sustentabilidade do seu gerenciamento de resíduos, portanto, todo PGRS deve conter no mínimo as seguintes etapas:

  • Identificação do empreendimento;  
  • Informações sobre os responsáveis pelo empreendimento;
  • ART (Anotação de Responsabilidade Técnica) da elaboração e implantação; 
  • Diagnóstico de situação atual;  
  • Quadro de informações acerca dos resíduos gerados divididos por classes;
  • Prognóstico das ações futuras
  • Cronograma de implantação das ações; 
  • Treinamentos com os envolvidos; 
  • Prazos de revisão e atualização do plano.

Com essas mínimas etapas sua empresa pode ter o PGRS adequado e que garanta uma boa gestão da geração e destinação dos mais diversos tipos de resíduos.

Existe um único padrão de PGRS?

Na verdade depende bastante do ambiente em que o PGRS será aplicado, afinal cada ambiente pede uma necessidade diferente. Entretanto é necessário que todo o desenvolvimento do projeto seja algo padronizado a fim de gerar qualidade e também fácil identificação em qualquer lugar.

Um exemplo disso são as ações que envolvem a implementação de separação de lixo de acordo com seu material, se faz extremamente importante que cada cor seja padronizadamente associada a um tipo específico de material, fazendo com que seja facilmente identificado em qualquer lugar.

Outra necessidade também é a contabilização de resultados e geração de relatórios sobre o PGRS que deve ter valores padrões. Porém a metodologia que será utilizada para se chegar ao resultado pode depender bastante do responsável da área contratado. 

6. Sua empresa precisa de um PGRS…

Algumas empresas acabam não optando por uma gestão adequada e uma política de sustentabilidade, o que pode gerar impactos negativos no meio ambiente e também diretamente na sociedade.

Empresas que tem um PGRS se destacam entre os consumidores

Já imaginou o impacto positivo que sua empresa pode ter ao ter um olhar mais verde para resíduos que envolvem desde princípios como reciclagem e destinação correta? 

Além disso, ter uma boa organização de todas as áreas, inclusive na área de resíduos pode gerar menos gastos para a sua empresa, visto que todos os processos serão contabilizados e minimizados a fim de gerar menos impacto.

7. E a Química Jr. pode te ajudar com isso!

E aí? Que tal realizar um PGRS de qualidade na sua empresa?

Se ficou interessado(a) entre em contato com a gente! Afinal, a Química Jr. pode te ajudar com isso, o PGRS é um de nossos projetos presentes em nosso portfólio.

Com cerca de 28 anos de experiência no mercado, somos especialistas quando o assunto é qualidade.

Está esperando o que? Entre já em contato!