Meio Ambiente e Vida Sustentável

Qual é o impacto do Fundo Verde para o Clima?

O que é o Fundo Verde para o Clima?

O Green Climate Fund (GCF), traduzido como “Fundo Verde para o Clima” em português,  foi criado por 194 países que fazem parte da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas em 2010.  É uma entidade que opera no âmbito do mecanismo financeiro da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (UNFCCC) e também serve ao Acordo de Paris.

lampadacomplanta
Lâmpada com mão segurando uma árvore

Como funciona esse fundo?

É a única entidade multilateral de financiamento cujo único mandato é servir a Convenção Quadro e que visa alocar montantes iguais de financiamento tanto para mitigação quanto adaptação. Atualmente é o maior fundo climático do mundo, com mandato para apoiar os países em desenvolvimento a aumentar e realizar suas ambições de Contribuições Nacionalmente Determinadas (NDC) para caminhos de baixas emissões e resilientes ao clima. Isso pois, as mudanças climáticas possuem consequências cada vez mais graves e irreversíveis, tais como na sáude

O Fundo Verde  aloca seus recursos para projetos e programas de baixa emissão e resilientes ao clima nos países em desenvolvimento. O objetivo do Fundo Verde para o Clima é financiar projetos que reduzam a emissão de gases do efeito estufa, ajudando os países mais vulneráveis a se adaptarem aos impactos das mudanças climáticas

cartaz
Cartaz de protesto

Objetivos do Fundo Verde para o Clima

O Fundo busca assegurar a sua adicionalidade na arquitetura do financiamento climático de seis principais formas:

  • Maximizando a apropriação pelo país beneficiário.
  • Equilíbrio entre mitigação e adaptação.
  • Governança balanceada com número igual de países contribuintes e recipientes em seu Conselho Diretor.
  • Diversidade de entidades acreditadas.
  • Diversidade de instrumentos financeiros.
  • Fundo mundial dedicado ao clima com maior escala.

Com uma estrutura de governança equilibrada entre países desenvolvidos e em desenvolvimento, o Fundo Verde desempenha um papel fundamental na canalização de recursos financeiros para os países em desenvolvimento, impulsionando o financiamento climático, tanto público quanto privado, a nível nacional, regional e internacional.

Projetos Financiados

Ao todo, são 177 os projetos beneficiados pelos recursos do Fundo Verde, o que gera um total de US$ 33,2 bilhões investidos e aproximadamente 1,8 bilhões de toneladas de  CO2 evitadas de serem emitidas na atmosfera, contribuindo de forma essencial para a diminuição dos impactos ambientais gerados em todo o mundo. Vale citar que estes projetos se encontram divididos entre micro (12%), pequenos (33%), médios (40%) e grandes (15%).

Um ponto importante está no fato de que 44 dos 177 projetos que recebem recursos se encontram na região da América Latina e Caribe, entre esses pode-se citar:

  • La Mojana

Esse projeto se enquadra na fase de adaptação e está localizado em La Mojana, uma região no norte da Colômbia e que vem sendo afetada pelas mudanças climáticas, ele tem como objetivo gerir o acesso e distribuição da água potável para as populações regionais principalmente nos períodos de seca, mas também nos de chuva.

  • Deserto do Atacama

Um projeto que tem como objetivo diminuir a emissão de carbono e assim reduzir os impactos ambientais, está sendo colocado em prática no Chile, mais especificamente no deserto do Atacama. O Fundo Verde financiou a construção de uma planta de energia solar nesta região, e o projeto se encontra atualmente em fase de mitigação.

Fundo Verde para o Clima no Brasil

O Brasil recebeu recursos do Fundo Verde para o clima entre 2014 e 2015 voltados para a diminuição da taxa de desmatamento da Amazônia e consequentemente para a diminuição das mudanças climáticas provocadas por tal fator. 

Quer saber mais? Leia nosso artigo sobre a importância da preservação ambiental para países e empresas.

floresta
Floresta com névoa

O REDD+ é um projeto financiado pelo Fundo Verde, o qual é objetiva reduzir emissões por desmatamento e degradação florestal e que tem como maior e mais importante mecanismo o Fundo Amazônia, anteriormente gerido pelo BNDES, tal projeto está suspenso devido discordância entre o governo brasileiro atual e os principais países doadores

A importância do fundo verde para o clima

Fica evidente a importância do Fundo Verde para o Clima quando se observa o número de projetos e a quantidade de regiões beneficiadas desde sua criação em 2010. E o futuro é de otimismo para essa iniciativa, uma vez que há centenas de iniciativas em todo o mundo e bilhões de dólares comprometidos com projetos em fases iniciais.

É importante destacar contudo, que apesar dos grandes avanços que o Fundo Verde faz em todo mundo anualmente, a situação climática atual é delicada e as consequências estão cada vez mais perceptíveis, dessa maneira é imprescindível que todos façam sua parte, bem como cabe às empresas adotarem práticas conscientes e que atenuem os impactos ambientais em suas políticas de trabalho. 

Um exemplo de prática sustentável que uma empresa pode adotar é o Carbono Neutro, este projeto oferecido pela Química Jr visa neutralizar todo o gás emitido pela empresa ou evento através do plantio de árvores que compensem a emissão do dióxido de carbono.

muda
Plantação

Ficou interessado em conhecer um pouco mais sobre nosso projeto e até mesmo implementá-lo? Acesse nossa página de serviços!